Retromania ou a arte da experimentação - SP VídeoMag

RB_20130424_0042Ricardo Pires num dos melhores momentos da surfada. Foto: Ricardo Bravo

 

Por agora já deves saber, com certeza, que a nossa edição mais recente é um número dedicado aos artefactos que usamos cada vez que vamos surfar: as pranchas. (Se não souberes, carrega aqui)


No papel, falámos com shapers e surfistas, aprendemos mais sobre tipos de pranchas e aquilo que as torna tão especiais. Agora, no online, vamos ver alguns surfistas a pôr esses objectos em prática.

 

Mas desengana-te, não os deixámos na sua zona de conforto, com thrusters feitas à medida do seu surf e corpo. Nada disso. Na SP, gostamos de desafios e por isso convidámos o Ricardo Pires, o Francisco Alves, o José Ferreira e o Diogo Appleton a experimentar alguns designs clássicos e outros alternativos, amavelmente cedidos pela Magic Quiver Surf Shop, Wave Gliders, Driftwood Collective, Alaia Surf e Manila Surfboards. Quads, alaias, mini-simmons, bonzers, entre outras, foram postas à prova pela referida turma. Ou foi o contrário? Bom, perante as dificuldades por eles demonstradas (até o próprio Ricardo, habituado a surfar de twin-fins!), podemos adiantar que foram as próprias pranchas que testaram as habilidades e paciência dos nossos eleitos.

 

As praias escolhidas foram a Praia Azul em Santa Cruz, os Coxos na Ericeira e o CDS na Caparica. Nosbeachbreaks, a rapaziada não esteve em sintonia com o mar, talvez porque estas ondas também não são as ideais para as pranchas. Agora, nos Coxos, eles brilharam como uma radiosa manhã de Verão e o Ricardo, determinado, sentiu a soul invadir-lhe as pernas quando deslizou entre manobras numa comprida direita. Um deleite para os olhos, podemos dizer-te.

 

Aliás, não precisamos de dizer. Podes ver, com os teus olhinhos, no vídeo em baixo. Vídeo: Susana Santos e Ricardo Bravo



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS