A "saída do armário" de João Kopke e um surf junto à Torre de Belém

Kokpe torre de belem

Apesar da fraca qualidade das ondas, Kopke foi protagonista de uma surfada "monumental". Foto: White Flag Produtions

 

João Kopke foi desde muito jovem um dos mais talentosos competidores entre os jovens surfistas portugueses. Continua a sê-lo, mas entretanto "saiu do armário". Não estamos a falar daquela fase complicada da adolescência, mas sim na emancipação do surfista, deixando de se dedicar apenas ao lado "porno performance" do surf e passando a ser cada vez mais um criador de conteúdos.

 

Digamos que a última semana foi bem recheada para o surfista da Linha. Depois de angariar fundos para refugiados, graças a um concerto que fez a par da irmã Maria, e que foi um sucesso, Kopke aproveitou a chegada da tempestade Dóris a Portugal para enfrentar as ondas... da Torre de Belém.

 

Provavelmente, já viram o episódio insólito pelos telejornais nacionais, pois a imagem correu Mundo. Foi um ato bastante criativo. Muitos podem pensar que João Kopke apenas aproveitou a deixa para ganhar mediatismo com algo fora do vulgar. O que é cada vez mais habitual numa era em que o que conta é a "caça ao like". Contudo, é imperativo perceber que esta foi uma "sessão" onde não faltou sentido de humor. E até crítica perante o momento...

 

É dessa forma que João Kopke se foi reinventado com sucesso como surfista. Numa altura em que já não está tão focado na competição, embora continue a marcar presença, o jovem da Linha sob trilhar um caminho diferente, conseguindo atrair atenção para si, mesmo em ter uma lycra vestida. Algo difícil nos dias de hoje no surf nacional – onde nomes como Pedro Boonman ou Nic von Rupp ainda conseguem fazer a diferença.

 

A peça que a RTP fez - podem vê-la aqui, a partir do minutos 54 - sobre a surfada na Torre de Belém teve mais de 43 mil visualizações. Para além de todos os outros meios, quer na televisão ou no digital, terem partilhado a história. Sim, podem continuar a pensar que se trata de aproveitamento mediático. Mas também é a prova de que o surfista do futuro terá de juntar ao talento, criatividade e inteligência. Algo que Kopke não se tem cansado de fazer desde que criou as suas próprias séries...


BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS