O SOL DA CAPARICA: um Festival de muitos encontros

sol da caparica muitos encontros

O Sol está aí a chegar! Foto: Gonçalo Silva/Divulgação


Press release - Muitos dos artistas programados para O Sol Da Caparica já revelaram que vão trazer convidados especiais. Este é um festival em que os artistas se encontram com a nossa língua, com o seu público, mas também uns com os outros.

 

O Sol da Caparica é um festival que gosta de propor aos artistas desafios especiais que ajudem a tornar as suas apresentações ainda mais memoráveis. Muitas vezes, os concertos que arrancam aplausos mais efusivos ao grande público são os que suscitam inesperados encontros em palco: ou porque não estavam programados, ou porque se mantiveram secretos até à última ou porque é algo que nunca tinha acontecido antes ou apenas muito raramente. E como não podia deixar de ser, há algumas dessas surpresas planeadas para a edição de 2016.

 

Karetus serão um dos convidados de Diogo Piçarra no dia 12 de Agosto

 

Este ano, um dos jovens valores emergentes da música portuguesa que certamente irá concentrar muitas atenções é Diogo Piçarra. Este já nos confidenciou, que pretende ter consigo o grupo sensação Karetus para um momento especial do seu concerto.

 

Outro cruzamento raro que certamente irá obter muitos aplausos é o do projecto singular Danças Ocultas, mestres da magia das concertinas, que trarão consigo a Orquestra Filarmonia das Beiras para um espectáculo absolutamente único e imperdível. Haverá certamente outras oportunidades para que encontros destes aconteçam nos palcos d'O Sol da Caparica!

 

Diogo Piçarra: Pop irrepreensível

 

A carreira de Diogo Piçarra ainda é muito jovem – foi apenas em 2015 que se estreou com Espelho – mas isso não nos impede de termos uma certeza: estamos todos perante um artista que tem pela frente uma carreira promissora.

 

O primeiro sinal foi o impacto de Espelho, que esteve na base de uma muito bem sucedida digressão, que levou o cantor de Norte a Sul do país para concertos energéticos e arrebatadores que lhe garantem já uma fiel legião de seguidores. "Tu e Eu", "Verdadeiro", "Breve" ou "Café Curto" são alguns dos temas de Espelho que uma nova geração abraçou com total entrega. Outros temas, como "Volta", têm-se revelado êxitos absolutos em plataformas como o YouTube, contabilizando milhões de plays.

 

Em palco, esperem Diogo Piçarra na voz, guitarra e piano, e ainda Francisco Aragão em guitarras e teclado, Filipe Cabeçadas na bateria e Miguel Santos no baixo: um quarteto pop irrepreensível capaz de conquistar qualquer multidão. Não será, certamente, diferente n´O Sol da Caparica.

 

Danças Ocultas: do palco para a plateia

 

Artur Fernandes, homem do leme do colectivo Danças Ocultas, está entusiasmado com o cartaz deste ano d'O Sol da Caparica e até já elegeu alguns concertos que pretende não perder: "Sim. Gostava de ver, por exemplo, os Deolinda que ainda não tive oportunidade de os ver", confessa. "Sempre que eles tiveram perto de mim estava eu ocupado com outros espectáculos. É uma banda que tenho curiosidade de ver ao vivo. Gostaria de ver também o Rui Veloso, já que há muitos anos que não vejo".

 

É um dos maiores artistas portugueses, dono de uma sólida carreira a solo depois de ter liderado um dos maiores fenómenos da nossa música pop.

 

Chama-se David Fonseca e ainda não apagou da memória os primeiros passos artísticos da sua carreira: "Curiosamente, uma das primeiras canções que escrevi objetivamente com princípio e fim foi editada no primeiro disco dos Silence 4 com o título "Angel Song". Eu fiz muitas canções antes desta, mas na altura apresentavam letras de um amigo meu, que as escrevia como hobbie, sem levar muito a sério a escrita de canções. Depois, em plena crise adolescente, resolvi então escrever uma canção com letra da minha autoria, que acabou por entrar no álbum de estreia". O resto, pode justamente dizer-se, é história!

 

O novo passaporte da terra das brincadeiras! 19 Aeroportos onde todos podem aterrar para incríveis aventuras:

 

Depois do sucesso que foi o passaporte de 2015, com milhares de crianças a quererem carimbar o seu documento em todas as diversões, O Sol da Caparica reinventou o conceito para a edição de 2016 e criou um Passaporte que dá acesso a 19 Aeroportos onde todos podem aterrar para incríveis aventuras! Seguem três das paragens!

 

01. Boas Vindas

 

Todas as aventuras têm um ponto de partida e o primeiro carimbo no passaporte vai marcar o arranque de um percurso cheio de surpresas incríveis e brincadeiras entusiasmantes.

 

02. Mega Parque de Insufláveis

 

Este é um aeroporto em que os miúdos podem literalmente aterrar. E saltar. E dar cambalhotas. E queimar energias. E voltar a saltar. Neste mundo ninguém se magoa e todos parecem flutuar. Mais de 20 super insufláveis.

 

03. Shake it!

 

Shake It! é uma animação especial de dança que tem na Lupi, uma menina muito engraçada, a sua principal estrela: ela vai desafiar os mais graúdos e os mais miúdos para bem animadas coreografias com músicas infantis que todos conhecem. Não custa nada!


BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS