Liga Moche: Carol Henrique triunfa na Praia Grande e fica mais perto do título

carol henrique praia grande

Carol deu-se bem nas condições exigentes da Praia Grande. Foto: Pedro Mestre/ANSurfistas

 

O dia inaugural do Allianz Sintra Pro, quarta etapa da Liga Moche, ficou marcado pela definição da campeã da etapa feminina. Carol Henrique conquistou a terceira etapa consecutiva no circuito nacional e ficou mais perto da conquista do título nacional. Um dia bem longo na Praia Grande, com ondas que complicaram um pouco a vida aos surfistas, e onde também se realizou a primeira ronda masculina.

 

Com Carol Henrique e Camilla Kemp, que ocupam o topo do ranking nacional, a estarem prestes a embarcar para a América Central, onde vão participar em duas importantes provas do WQS, a organização da Liga Moche decidiu avançar já neste primeiro dia com a totalidade da prova feminina. E foi assim que se assistiu a uma grande disputa pela conquista da etapa.

 

Com Carol, Camilla e Carina Duarte a dominarem as rondas iniciais, e com a ausência da bicampeã nacional em título Teresa Bonvalot, a outsider nas meias-finais acabou por ser Beatriz Santos. Ainda assim, a jovem da Caparica não conseguiu travar Carol Henrique, sendo que na outra meia-final Carina venceu um intenso duelo frente a Camilla Kemp.

 

Na final, acabou por se repetir a história das últimas três etapas. Depois de se ter estreado a vencer na Liga Moche este ano, ao vencer a etapa da Caparica, a surfista luso-brasileira repetiu o feito no Porto e agora fê-lo novamente na Praia Grande. Com 10,75 pontos e um surf explosivo em ondas que pouco abriam, permitindo poucas manobras, Carol acabou por bater facilmente Carina Duarte (6,60).

 

Com este importante triunfo, Carol Henrique distancia-se na liderança do ranking nacional, numa altura em que apenas Camilla Kemp parece estar ainda em posição de fazer frente à atual líder. Ainda assim, nada está definido, pois o circuito feminino tem mais duas etapas. Antes da prova final de Cascais, as melhores surfistas nacionais vão até Ilhavo, para a já tradicional Miss Sumol Cup.

 

Para além da vitória na etapa, Carol foi também a vencedora da Allianz Triple Crown, recebendo 2000 euros pelo sucesso conseguido no cômputo das três etapas com naming sponsor Allianz. Sobre a conquista deste troféu, a surfista de Cascais confessa que tentou não pensar muito no assunto e concentrar-me apenas no surf. "Agora que o conquistei, estou muito feliz", afirmou. Carol sucede a Teresa Bonvalot como vencedora deste troféu. Nos homens, o vencedor só será conhecido no decurso do fim-de-semana.

 

Vasco fecha em beleza

 

Com o dia a ser dedicado em maior parte às raparigas, a prova masculino viu assim apenas ser realizada uma ronda, sendo que mesmo essa foi intercalada com a prova feminina ao longo do dia. A melhor ação até aconteceu da parte da tarde, com Vasco Ribeiro a destacar-se da concorrência, conseguindo a melhor onda do dia (9,00) e o melhor score (16,25).

 

De resto poucas surpresas aconteceram nesta ronda inaugural, com grande parte dos favoritos a conseguirem impor-se. As maiores surpresas foram os triunfos de jovens como Jácome Correia - no primeiro heat da ronda venceu José Ferreira, que também seguiu em frente – ou de Luís Perloiro, que com 14,25 pontos conseguiu um dos melhores scores do dia.

 

Destaque ainda para o triunfo do nortenho Elohe Alvarez, que bateu o campeão nacional em título Frederico Morais, no heat 6. João Moreira, João Kopke, Tomás Fernandes, Eduardo Fernandes, Pedro Henrique, Filipe Jervis, Pedro Boonman, Guilherme Fonseca, Pedro Coelho, Tiago Pires, Ruben Gonzalez e Ivo Cação foram os outros vencedores dos restantes heats.

 

A prova retoma amanhã bem cedo, sendo agora inteiramente dedicada aos homens. Espera-se assim um dia de ação intensa e muito espetáculo. Isto porque na 2.ª ronda já se vão ver heats que prometem ser bem renhidos, como o 3, onde estão Eduardo Fernandes, Elohe Alvarez, o ex-campeão nacional Guga Gouveia e Francisco Alves, ou o 4, que conta com Luís Perloiro, o atual líder do circuito Pedro Henrique, Frederico Morais e o wildcard e histórico local João Macedo.



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS