WSL garante Stu Kennedy e Sebastian Zietz nas etapas do Tour até J-Bay

552110fe7a6d5a45cf8043abadb9806b

Stu vai continuar a mostrar o seu surf durante, pelo menos, mais três eventos. Foto: WSL

 

A complicação levantada pelas inúmeras lesões ocorridas no início desta temporada no World Tour deu origem a um artigo nosso a analisar o tema. Apenas um dia depois, a própria WSL vem esclarecer o ponto de situação das substituições, pelo menos, até J-Bay. Com tanta gente de fora e com outros tantos surfistas que não pertencem ao top 34 mundial a fazerem grandes resultados, a tendência seria para termos uma situação delicada. Mas, para já, tudo está salvaguardado.

 

Pela voz do comissário Kieren Perrow, a WSL assegurou já que os suplentes Stu Kennedy, semifinalista em Snappers e atual número 12 do ranking, e Sebastian Zietz, vencedor da etapa de Margaret River e atual vice-líder do ranking, estão garantidos até à 6.ª etapa do Tour 2016, que acontecerá em Jeffreys Bay, na África do Sul, em julho. Tudo porque os lesionados Owen Wright e Bede Durbidge deverão estar de fora até lá.

 

Owen Wright anunciou no início do ano que iria estar de fora dos primeiros seis eventos, sendo que é assim substituído por Stu Kennedy, agora novo suplente número 1 do Tour, nesses eventos. Já Durbidge anunciou que está oficialmente de fora do Rio e das Fiji, sendo substituído por Seabass. Caso Bede regresse em J-Bay, Perrow revelou que o wildcard da etapa será para Zietz, devido à excelente prestação que este tem tido na temporada.

 

Segundo a explicação oficial da WSL, Taj Burrow está oficialmente de fora do resto da temporada. A decisão da retirada é com efeito imediato e o facto de se ir despedir da competição apenas nas Fiji acontece por ter recebido um wildcard da WSL. Dessa forma, Adam Melling torna-se membro da elite mundial até final da temporada. Para além da retirada de Taj, há ainda a retirada parcial de Mick Fanning.

 

Depois de falhar o Oeste australiano, o tricampeão mundial também não vai ao Rio de Janeiro. No Oi Rio Pro será substituído pelo jovem italiano e líder do ranking do WQS Leo Fioravanti, tal como anunciámos ontem. Mas nas etapas seguintes em que não entre poderá ser substituído por outro surfista ou até mesmo por Seabass, caso os lesionados entretanto recuperem. A Bede e Owen juntam-se ainda Jack Freestone, Jadson Andre e Filipe Toledo, embora seja expectável que os dois brasileiros regressem já na etapa carioca.



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS