Leo Fioravanti com vaga garantida no Oi Rio Pro

aaab95b22e49bcaa30de885d3ce86855

Leo vai continuar a mostrar o seu talento entre a elite mundial. Foto: WSL

 

A informação terá sido confirmada por Kieren Perrow, comissário da WSL. Depois do excelente 5.º posto alcançado em Margaret River, o jovem italiano e líder do circuito WQS, Leo Fioravanti, vai ter nova oportunidade de enfrentar a elite mundial no Oi Rio Pro. A quarta etapa do Tour 2016 acontece em maio, no Brasil.

 

De acordo com a lógica de lesionados, os substitutos de Tour irão estar novamente em ação. Adam Melling até já será um membro permanente do Tour no Rio de Janeiro, uma vez que é ele o substituto de Taj Burrow. O lendário surfista australiano retirou-se do Tour após Margaret River, mas irá fazer a despedida em Fiji, através de um wildcard da WSL. Contudo, não vai ao Brasil.

 

Dessa forma, o australiano Stu Kennedy, segundo substituto, e Sebastian Zietz, teceiro substituto, irão ocupar as vagas dos lesionados Owen Wright e Bede Durbidge, que enfrentam um complexo período de recuperação. Stu e Seabass têm sido duas das grandes surpresas da temporada, sendo que o havaiano foi mesmo o vencedor da etapa de Margaret River, ocupando um surpreendente 2.º posto do ranking.

 

É assim que chegamos a Leo Fioravanti. Com Mick Fanning parcialmente retirado do Tour, o jovem italiano mereceu o voto de confiança da WSL. O convite foi justificado com a bela prestação em Margaret River, onde eliminou Kelly Slater e Adriano de Souza nas rondas inaugurais. O australiano não vai ao Brasil e abriu assim vaga para Leo continuar a enfrentar a elite mundial.

 

Sobra ainda Dusty Payne, quarto suplente do Tour, que se viu "ultrapassado" por Fioravanti. Ou o havaiano não teve disponibilidade para a etapa ou poderá ainda ficar com uma vaga aberta por outra eventual lesão. Filipe Toledo, Jadson Andre e Jack Freestone falharam Margaret River por lesão e são ainda dúvidas para esta etapa, sendo que Freestone deverá mesmo estar já fora da etapa carioca.

 

Caso existam mais baixas, estas poderão ser ocupadas por surfistas brasileiros. De acordo com os rumores surgidos nos media brasileiros a questão dos wildcards para o Oi Rio Pro tem levantado muita polémica. A organização da prova tem direito a um convite, que deverá ser para o campeão mundial júnior em título Lucas Silveira. A outra vaga será disputada através de trials, ao contrário de anos anteriores em que era entregue ao campeão brasileiro em título.



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS