Sumol Ericeira Surf Shop Pro 2011:Vasco Ribeiro e Maria Abecasis vencem 2ª etapa da Liga MEO Prosurf

Vasco_Ribeiro_Accao_lowOs surfistas júnior Vasco Ribeiro, de 16 anos, e Maria Abecasis, de 18 anos, venceram a segunda etapa do campeonato que atribui os títulos nacionais da modalidade e que terminou hoje na praia de Ribeira d'Ilhas, Ericeira.

 

Com boas ondas de um metro e a praia cheia de público, os dois atletas superiorizaram-se à concorrência, liderando o espectáculo de surf a que se assistiu durante a tarde, depois da transferência do local de prova para a estrutura principal.

 

O dia foi longo, iniciando-se por volta das sete da manhã, na praia alternativa da Foz do Lizandro, onde decorreram os oitavos de final masculinos. Com a maré cheia a impor uma paragem por volta das 11h e a notícia de melhores condições na praia inicialmente marcada para a realização do evento, a organização rapidamente transferiu toda a sua estrutura para Ribeira d'Ilhas, onde se concluiu então a etapa, em ondas fantásticas, que foram crescendo ao longo da tarde.

 

Vasco Ribeiro, um dos atletas mais consistentes da prova, a par do seu amigo José Ferreira, encontrou a melhor forma numa final muito empolgante e, com uma pontuação de 16,50 pontos em 20 possíveis (a mesma que tinha conseguido nas meias-finais), acabou por vencer o Sumol Ericeira Surf Shop Pro, deixando o tetra-campeão nacional Ruben Gonzalez num honroso e próximo segundo lugar, o regressado Eduardo Fernandes na terceira posição e José Ferreira no quarto posto.

 

"Treinei muito no início deste ano e fico feliz por estar a dar certo," afirmou o campeão da etapa, que assim passou a liderar o ranking nacional masculino e a MINI Triple Crown, um troféu especial dentro da Liga. "Estes últimos dois meses têm sido incríveis no que toca a resultados... sinto-me de facto em muito boa forma e agora só quero continuar a treinar e a competir para conquistar os objectivos a que me propus no início do ano," concluiu o também líder do circuito europeu Pro Junior e vice-campeão mundial sub-18.

 

Ruben Gonzalez passou ao segundo lugar do ranking nacional, Eduardo Fernandes conseguiu um bom terceiro lugar na sua prova de estreia em 2011, uma vez que não competiu na etapa inaugural, no Porto, e José Ferreira sentiu alguma frustração com a quarta posição final, depois de ter conseguido a melhor onda e a maior pontuação de toda a prova nas meias-finais, 9,5 e 18,25 pontos, respectivamente.

 

Destaque ainda para nova presença nas meias-finais do também júnior João Kopke, de 15 anos, a par dos veteranos Nuno Telmo, Alexandre Ferreira e João Antunes, bem como para nova presença nos quartos-de-final de André Faria, atleta de Santo André.

 

Nas senhoras, Maria Abecasis venceu pela primeira vez uma etapa da Liga MEO Prosurf, naquela que foi considerada uma das provas mais disputadas dos últimos anos nesta categoria e a sua décima final consecutiva neste campeonato.

 

"Neste momento sou a mulher mais feliz do mundo," afirmou a jovem surfista da Linha do Estoril, que também passou a liderar o ranking nacional feminino com esta vitória. "Acho que encontrei finalmente a chave para o sucesso nas finais, por isso estou com muita vontade de competir nas provas que se aproximam este Verão," concluiu a campeã.

 

A segunda posição foi para a local Ana Sarmento, que deixou de competir regularmente, mas que abriu uma excepção nesta prova, disputada na sua praia, o terceiro lugar ficou novamente com a bi-campeã nacional em título, Francisca Pereira dos Santos, e o quarto posto foi para a jovem wildcard Keshia Eyre, a grande revelação da etapa, ao derrotar as ex-campeãs nacionais Carina Duarte e Joana Rocha nas meias-finais.

 

O Sumol Ericeira Surf Shop Pro contou com algumas actividades paralelas, como a Red Bull Expression Session, realizada antes da final masculina e vencida por Frederico Morais, com um aéreo reverse 360º, "vingando-se" assim da derrota prematura de ontem, logo na primeira fase.

 

Para Rodrigo Pimentão, da Ericeira Surf Shop, "a decisão de mudar a prova esta tarde para Ribeira d'Ilhas foi óptima, pois possibilitou terminar em grande um evento que começou debilitado, devido à falta de ondas. Para nós, que estamos junto dos surfistas, com vinte e uma lojas em todo o país, é muito natural apoiar uma etapa da Liga MEO Prosurf que se realiza no berço da nossa empresa - e ficamos felizes por ter terminado bem," comentou.

 

Todo o evento foi transmitido ao vivo em www.meo.pt/surf, o sítio oficial da Liga, bem como na aplicação interactiva do MEO, para todos os seus assinantes. "Esta aplicação abriu um novo capítulo na história do surf nacional e do MEO, que decidiu associar-se ao target mais jovem desta forma. As duas primeiras etapas foram importantes e, embora existam ainda arestas a limar, consideramos o resultado final muito interessante," afirmou Miguel Janz Guerra, da direcção de patrocínios e eventos do MEO.

 

O Sumol Ericeira Surf Shop Pro é uma organização do Oceanlook, com os patrocínios da MINI, Sumol, Ericeira Surf Shop e MEO, e os apoios da Câmara Municipal de Mafra, Ericeira Surf Clube, Dakine, Von Zipper, Ribeira d'Ilhas Surf Camp, ANS e Federação Portuguesa de Surf. A Liga MEO Prosurf tem como patrocinadores oficiais o MEO e a Red Bull e conta com o apoio do FUEL TV, Cidade FM, Oceanlook, Sapo, SurfPortugal, Record e Ya - Youth Culture Agency.

 

Em baixo, galeria de fotografias da autoria do fotógrafo Pedro Mestre.

 

 



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS