Previsões apontam para arranque da ação em Sunset e Maui já hoje

de9a35a9eaa2209a55eeda46334d6aa7

Kikas deu show em 2016 e chegou ao 2.º lugar. Foto: WSL


É esta segunda-feira que será dado o tiro de partida para a luta pelo título mundial feminino. E também deverá ser hoje que se inicia a ação em Sunset Beach, no derradeiro campeonato do WQS, onde está em jogo a qualificação para o circuito mundial masculino do próximo ano. Ou seja, lá terá a WSL de dividir a sua home page ao meio, pois espetáculo não vai faltar.

 

Depois de um primeiro dia off tanto em Maui, como no North Shore de Oahu, as previsões apontam para uma subida do mar, o que poderá proporcionar condições pesadas em Sunset. Já em Maui, tendo em conta que dois dias e meio chegam para terminar a etapa, é provável que seja já a meio desta semana que conheceremos a nova campeã mundial feminina.

 

Resta acrescentar que em Honolua Bay será a jovem havaiana Brisa Hennessy a wildcard que irá tentar complicar a vida às favoritas. São cinco surfistas que chegam a Maui com hipóteses matemáticas de lutar pelo título. Mas se Stephanie Gilmore e Carissa Moore têm a vida mais complicada, a questão é bem diferente em relação à líder Sally Fitzgibbons, à campeã em título Tyler Wright e a Courtney Conlogue. Basicamente quem ganhar é campeã.

 

Já em Sunset as contas são mais complexas, havendo ainda cinco vagas de qualificação em aberto – ou mais, consoante o que acontecer depois em Pipeline com o ranking do World Tour. E na luta por uma dessas vagas está o português Vasco Ribeiro. As contas não são complicadas, o cenário, esse, é que é muito difícil. O jovem da Poça tem de vencer o QS10000 de Sunset e esperar por resultados de terceiros.

 

Mas em prova estará ainda Frederico Morais. Kikas estreia-se apenas na terceira ronda, onde sabe que irá estar no heat 5, juntamente com o brasileiro Tomas Hermes, que já garantiu uma vaga no Tour do próximo ano. Os outros dois adversários virão da 2.ª ronda. Nessa segunda ronda entra em cena Vasco., que ocupa o heat 12 juntamente com o australiano Mikey Wright e mais dois surfistas que vierem da ronda inaugural.

 

Após dois dias malfadados e de luto no surf mundial, eis que o Havai prepara-se para oferecer ação de alta qualidade nos próximos dias. E tudo deverá começar ao final da tarde. Lá pelas 18 horas portuguesas. É só sintonizar!



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS