Atenções centradas em Kikas e com Carcavelos à espera do retomar da ação

701fdde1c0aa2445248a3e9784c7ef9d

Kikas tem estado em grande plano no QS10000 português. Foto: WSL

 

Esta segunda-feira será dado novo call no EDP Billabong Cascais Pro e no Cascais Women's Pro, depois de um fim-de-semana de pausa na competição e após Teresa Bonvalot ter feito história na etapa feminina do WWT e Frederico Morais se ter afirmado no QS10000 masculino.

 

Teresa eliminou mesmo a campeã mundial em título Tyler Wright na segunda ronda da etapa cascalense, acabando depois por ser eliminada na quarta ronda frente à australiana Keely Andrew, naquela que foi a primeira vez que conseguiu ultrapassar a barreira da segunda ronda neste campeonato.

 

Com a prova parada à entrada para os quartos-de-final, Sally Fitzgibbons é a grande favorita, uma vez que a líder do circuito é a única do top 4 do ranking que ainda está em prova. A par de Wright, também Stephanie Gilmore e Courtney Conlogue já ficaram pelo caminho, o que poderá ser decisivo nas contas do título.

 

Já na prova masculina, todas as atenções estão centradas em Frederico Morais, que se tem mostrado em excelente forma a competir em casa. Com os primeiros dias do evento a serem realizados no Guincho, Kikas venceu de forma convincente os seus heats da 2.ª e 3.ª ronda.

 

Quando a prova masculina recomeçar, Frederico irá entrar logo na água para enfrentar o brasileiro Tomas Hermes e o australiano Ethan Ewing no heat 5 da 4.ª ronda, procurando alcançar uma vaga nos oitavos-de-final do evento cascalense. Algo que deverá acontecer já em Carcavelos.

 

Com ondulação demasiado grande para o Guincho e com as previsões a apontarem com uma ondulação com tamanho considerável e período na casa dos 18 segundos, a organização tem expectativas altas para Carcavelos, podendo o beach break da Linha fornecer condições de excelência para encontrar os campeões do evento.



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS