Primeiro QS10000 da temporada arranca com vitória de Pedrinho e eliminação de Kikas

6fc46e0e7b1c093f2eb409b9aa16d9ea

Começou na África do Sul a verdadeira corrida ao World Tour 2018! Foto: WQS

 

Não começou da melhor forma o Pro Ballito, primeiro QS10000 da temporada do WQS, que arrancou na segunda-feira na África do Sul. Apesar do triunfo de Pedro Henrique na ronda inaugural do evento sul-africano, Frederico Morais acabou por ser eliminado na segunda ronda, reduzindo a armada lusa a dois surfistas.

 

Numa primeira ronda que contou com apenas 8 heats, Pedrinho esteve em ação precisamente no último de todos. Com um score de 11,53 pontos o campeão nacional em título conseguiu assegurar o primeiro posto da bateria, com o brasileiro Flavio Nakagima a também seguir em frente, com 10,83 pontos. Pelo caminho ficaram os havaianos Cody Young e Mason Ho.

 

Na bateria seguinte deu-se o início da segunda ronda e logo com Kikas no heat inaugural. A temporada sul-africana de Frederico, que de Ballito segue para J-Bay, não começou bem. Os 12,24 pontos do surfista de Cascais deixaram-no no terceiro posto da bateria, apenas à frente do francês Jorgann Couzinet. O heat foi vencido pelo sul-africano Michael February (13,83), com o brasileiro Krystian Kymerson (12,83) a também seguir em frente.

 

A competição acabou por ser parada após o heat 4 desta ronda, retomando na terça-feira. Em prova Portugal ainda tem dois surfistas. Vasco Ribeiro apenas se vai estrear no heat 20, tendo pela frente o brasileiro e rookie do WCT Ian Gouveia e dois ex-surfistas do WCT: o neozelandês Ricardo Christie e o australiano Yadin Nicol.

 

Por sua vez, Pedro Henrique vai regressar à ação no 22.º e antepenúltimo heat da ronda, onde vai medir forças com o australiano e rookie do WCT Ethan Ewing, assim como com o brasileiro Victor Bernardo e com o francês Dimitri Ouvre. Em jogo estarão importantes pontos que permitirão a Vasco e Pedrinho subir no ranking do WQS.

 

Mas a ação em Ballito começou logo no fim-de-semana com a realização de um QS1000 feminino, onde Portugal esteve representado por Camilla Kemp. Depois de passar a primeira ronda, a surfista do Guincho acabou por ser eliminada na 2.ª ronda, terminando o evento no 9.º posto. A vencedora foi a australiana Sophia Fulton que na final travou a havaiana Zoe McDougall, que assegurou a quinta final consecutiva em provas do WQS na África do Sul, tendo vencido três delas – a outra foi vencida também por Fulton.



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS