Arranque auspicioso: Kikas bate Toledo e estreia-se com vitória no Quik Pro Gold Coast

Kikas gold coast

Kikas colocou muita pressão no rail, demonstrando o power de que é feito o seu surf. Foto: WSL

 

Começou o World Tour 2017 e o primeiro dia do Quiksilver Pro Gold Coast ofereceu-nos já emoções fortes. A começar por Frederico Morais que se estreou como membro da elite mundial com um sólido triunfo, num dos heats mais equilibrados do dia, onde acabou por bater um dos principais favoritos a vencer em Snapper Rocks. Houve ainda surf de alto nível, notas altas e os favoritos a assumirem-se com tal.

 

Nos 12 heats da ronda inaugural em apenas 4 os top seeds não venceram. Num deles foi Fanning que bateu Kelly Slater e Jeremy Flores. Nos outros Jadson Andre superou o lycra vermelha Michel Bourez, enquanto no último de todos o regressado Owen Wright ultrapassou Sebastian Zietz e o rookie Ethan Ewing. Por fim, Kikas também vez de tomba gigantes, frente a Filipe Toledo e Ace Buchan.

 

Frederico começou forte o heat, marcando a sua posição nas direitas de Snappers. Contudo, teve em Toledo e Buchan fortes opositores. Kikas conseguiu cedo alcançar a melhor nota do heat, graças ao seu surf poderoso e sólido, que parece cair na graça dos juízes do Tour. Com uma onda de 8,73 pontos ficou mais perto do sucesso, que seria carimbado na sua última onda, com uma nota de 6,97 pontos. O score de 15,70 superou os 15,10 do brasileiro ex-campeão deste evento e ainda os 13,43 de Buchan.

 

Entre os principais favoritos destaque para as prestações do campeão mundial John John Florence, mas também de Gabriel Medina, ele que parecem dispostos a continuar do ano passado pela conquista do título em 2016. Mas houve também show por parte de Joel Parkinson ou Julian Wilson. Jordy Smith, Matt Wilkinson ou Kolohe Andino não deram tanto espetáculo mas também cumpriram com a sua missão de favoritos.

 

As raparigas também tiveram direita a dar espetáculo em Snappers pelo meio. Após uma vitória com classe de Stephanie Gilmore a abrir o dia, o Roxy Pro avançou com a 2.ª ronda, onde a campeã Tyler Wright deu uma lição de surf à wildcard local Alyssa Lock. A rookie Bronte Macaulay protagonizou uma das surpresas da ronda, eliminando Sage Erickson, enquanto Lakey Peterson fechou a participação feminina neste dia com chave de ouro, ao alcançar um 10 perfeito, num heat em que somou 19,27 pontos e eliminou a brasileira Silvana Lima.

 

Por fim, o sol ainda permitiu que a organização colocasse na água a segunda ronda masculina, que começou logo com uma surpresa. O wildcard Mikey Wright juntou-se ao irmão Owen na terceira ronda, depois de bater Michel Bourez. O dia fechou com o triunfo de Kelly Slater frente a Nat Young. O rei tem assim mais uma vida neste evento. Quando a prova retomar vai ser a vez de Toledo tentar evitar a eliminação precoce frente a Zeke Lau, sendo que não sobram mais favoritos neta repescagem.

 

Enquanto isso, Kikas vai esperando tranquilamente pelo adversário que terá pela frente na terceira ronda, depois de um começo auspicioso na Gold Coast.

 

(em atualização)



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS