Frederico Morais avança até a 4.ª ronda no Australian Open of Surfing

aos17 day3 miguel blanco  owenphoto 00078  large

Miguel Blanco também esteve em destaque no arranque em Manly Beach, mas acabou por cair na segunda ronda. Foto: Owen/Australian Open of Surfing

 

Frederico Morais continua a ter um início de temporada consistente, com prestações sólidas, daquelas a que já nos havia habituado nos últimos anos do WQS. Esta madrugada de sexta-feira, Kikas apurou-se para a 4.ª ronda do Australian Open of Surfing, QS6000 que decorre até domingo em Manly Beach, Sydney, algo que já tinha feito no QS6000 de Newcastle, onde teve início a sua temporada.

 

Após um arranque de campeonato onde os portugueses não se deram muito bem, sendo que Vasco Ribeiro, Tomás Fernandes e Pedro Henrique perderam de primeira, tal como Camilla Kemp e Carol Henrique nas mulheres, valeu a prestação de Frederico para dar continuidade às esperanças nacionais.

 

Destaque ainda para Miguel Blanco, que conseguiu uma performance bastante sólida na primeira ronda, mas que acabaria por ser eliminado na 2.ª ronda. Foi nessa mesma fase que Kikas se estreou e fê-lo logo com uma vitória, num heat em que somou 13,27 pontos e bateu o brasileiro Thiago Guimarães, o peruano Alonso Correa e o sul-africano Beyrick de Vries.

 

Enquanto na prova feminina Teresa Bonvalot também avançava uma ronda, mas acabando depois eliminada na 3.ª ronda, Frederico Morais ficava assim sozinho em prova. Apenas regressou à ação esta madruga e fê-lo da melhor forma, garantindo mais um triunfo. Kikas mostrou o seu surf power, dando umas valentes pauladas verticais nas esquerdas de Manly e impressionando os presentes.

 

O surfista do Guincho somou 12,83 pontos e bateu o australiano Mitch Crews, que também seguiu em frente, o brasileiro David do Carmo e o peruano Lucca Mesinas. Agora, na 4.ª ronda, onde já só estão os 24 melhores surfistas do evento, vai competir no heat 3 frente ao brasileiro ex-top do WCT Alex Ribeiro e ao australiano Mikey Wright. Apenas os dois primeiros avançam para os oitavos-de-final.

 

Frederico está assim a mostrar-se a postos para a estreia no World Tour 2017, que começa já a meio deste mês em Snapper Rocks. O rookie português está já com uma forma considerável, mostrando surf no pé e a competitividade que é a sua imagem de marca.



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS