Michel Bourez vence o Pipe Masters, John John a Triple Crown e Nat Young sai do Tour

Michel Kanoa Pipe

Apesar de ter perdido na final, o rookie Kanoa Igarashi teve um papel tão importante no desfecho da temporada como o vencedor do campeonato. Foto: WSL

 

Não foi o final de história por que todos esperavam, mas nem por isso o Billabong Pipe Master de 2016 deixou de ter um final emocionante. Michel Bourez alcançou um triunfo inesperado, os principais favoritos não conseguiram exercer o seu domínio, Frederico Morais acabou por perder a luta pela Triple Crown para John John Florence e houve ainda muitas mudanças no ranking, que originaram uma saída de cena inesperada.

 

Com o mar a proporcionar alguns tubos, sobretudo para Backdoor, mas estando longe do potencial que Pipeline já nos habituou, foram alguns os tops que conseguiram oferecer notas perto da perfeição. Toledo conseguiu mesmo uma nota 10. Kanoa Igarashi distribuiu notas na casa dos 9, enquanto ajudava o seu colega Zeke Lau a entrar no Tour, sendo apenas parado na final. Depois, houve ainda um surpreendente Michel Bourez a regressar aos triunfos.

 

Num dia repleto de ação, tudo terminou de forma pouco convencional. John John Florence caiu nos quartos-de-final frente ao surfista que acabaria por ganhar o evento. Kelly Slater ficou-se pelas meias-finais, depois de perder para o rookie Kanoa Igarashi. Também Jordy Smith foi travado pelo californiano de origem japonesa, ficando ainda entregue o título da Triple Crown ao havaiano.

 

Infelizmente, Kikas acabou por perder a luta para John John. O surfista português terminou a menos de 1000 pontos do triunfo. Ainda assim, o 3.º posto final, sendo ainda superado por Jordy, demonstra bem a qualidade das suas performances durante a exigente perna havaiana. O troféu da Triple Crown ficou em casa. O do Pipe Masters viajou para as ilhas vizinhas da Polinésia francesa...

 

O resultado de Jordy Smith permitiu ainda uma subida à vice-liderança mundial, por troca com Gabriel Medina, repetindo a sua melhor classificação de sempre – em 2010 também foi vice-campeão, sendo superado apenas por Kelly Slater. Outro nome em evidência foi Kolohe Andino, que só foi travado na meia-final frente a Bourez. O californiano até esteve a um minuto de chegar à final e ao 3.º lugar do ranking, mas o taitiano acabaria por inverter o resultado na última onda do heat. Andino termina assim o ano num excelente 4.º posto.

 

Por falar em ranking, a incrível prestação de Kanoa Igarashi acabou por colocá-lo dentro do top 22 mundial, fazendo assim dupla qualificação e abrindo uma vaga pelo ranking do WQS. O amigo e companheiro de equipa Zeka Lau foi o grande beneficiado, ele que reforçará a armada havaiana no Tour. Mas para Lau entrar alguém teve de sair. Mesmo com o 9.º lugar alcançado em Pipeline, o acabou por ser Nat Young.

 

O rookie do ano de 2013 e detentor de um dos backsides mais poderosos da elite mundial diz assim adeus aos Tour de forma surpreendente, depois de uma fraca segunda metade de temporada. Miguel Pupo acabou por respirar de alívio, após a derrota de Young frente a Jordy Smith na 5.ª ronda, depois de um heat extremamente disputado.

 

Para conhecer o top 34 final é necessário esperar pelos dois wildcars que a WSL irá atribuir. Apesar de já ser conhecido que os destinatários serão os australianos Owen Wright – falhou toda a temporada por lesão - e Bede Durbidge – só regressou de lesão em Pipeline -, é importante saber até que ponto Wright já está recuperado e pronto para voltar a competir. Será que Alejo Muniz (por lesão) ou Nat Young (por ser 23.º e pelo currículo) ainda podem sonhar com a permanência na elite?

 

A única certeza é a do adeus dos rookies Ryan Callinan, Alex Ribeiro e Davey Cathels à elite mundial. Algo que demonstra bem as dificuldades que Frederico Morais encontrará no próximo ano frente aos melhores surfistas do Mundo. Keanu Asing, Matt Banting, Kai Otton, que se vai retirar, Dusty Payne e Adam Melling - dois surfistas que competiram a quase totalidade do ano como substitutos – também falharam a requalificação.

 

Taj Burrow abandonou a meio deste ano e já havia dito adeus ao Tour. Resta agora perceber o que fará Mick Fanning à carreira no próximo ano. Depois de um ano sabático em que conseguiu garantir o 17.º posto do ranking com apenas 5 eventos disputados – é obra! -, veremos se Eugene estará disposto a competir mais um ano ou se abrirá mais uma vaga... Os próximos dias irão ajudar a decifrar estas dúvidas.

 

Billabong Pipe Masters Final Results:
1:
Michel Bourez (PYF) 7.53
2: Kanoa Igarashi (USA) 6.17

 

Billabong Pipe Masters Semifinal Results:
SF 1:
Michel Bourez (PYF) 15.37 def. Kolohe Andino (USA) 13.93
SF 2: Kanoa Igarashi (USA) 15.50 def. Kelly Slater (USA) 15.00

 

Billabong Pipe Masters Quarterfinal Results:
QF 1:
Kolohe Andino (USA) 14.87 def. Jeremy Flores (FRA) 12.67
QF 2: Michel Bourez (PYF) 17.20 def. John John Florence (HAW) 14.00
QF 3: Kelly Slater (USA) 11.50 def. Josh Kerr (AUS) 10.24
QF 4: Kanoa Igarashi (USA) 18.03 def. Jordy Smith (ZAF) 15.74

 

Billabong Pipe Masters Round 5 Results:
Heat 1:
Jeremy Flores (FRA) 15.17 def. Joel Parkinson (AUS) 4.53
Heat 2: Michel Bourez (PYF) 16.80 def. Filipe Toledo (BRA) 15.50
Heat 3: Kelly Slater (USA) 14.34 def. Ryan Callinan (AUS) 10.17
Heat 4: Jordy Smith (ZAF) 18.10 def. Nat Young (USA) 16.17

 

Billabong Pipe Masters Round 4 Results:
Heat 1:
Kolohe Andino (USA) 13.66, Jeremy Flores (FRA) 10.16, Filipe Toledo (BRA) 5.00
Heat 2: John John Florence (HAW) 11.00, Michel Bourez (PYF) 9.17, Joel Parkinson (AUS) 8.83
Heat 3: Josh Kerr (AUS) 9.24, Ryan Callinan (AUS) 2.77, Nat Young (USA) 1.57
Heat 4: Kanoa Igarashi (USA) 12.00, Jordy Smith (ZAF) 11.34, Kelly Slater (USA) 2.24

 

Billabong Pipe Masters Round 3 Results:
Heat 12:
Jordy Smith (ZAF) 15.34 def. Alex Ribeiro (BRA) 1.93

 

Top 5 on the WSL Jeep Leaderboard (after Billabong Pipe Masters):
1.
John John Florence (HAW) 59,850 pts
2. Jordy Smith (ZAF) 46,400 pts
3. Gabriel Medina (BRA) 45,450 pts
4. Kolohe Andino (USA) 44,150 pts
5. Matt Wilkinson (AUS) 39,500 pts



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS