Direita mágica de Honolua Bay preparada para receber a elite mundial feminina

Carissa Maui

Carissa Moore bateu a concorrência no ano passado em condições épicas. Foto: WSL

 

No ano passado ofereceu o melhor evento que há memória no circuito mundial feminino. Este ano as contas do título mundial já estão resolvidas, mas nem por isso o Maui Women's Pro perde motivos de interesse. A última etapa do Women's World Tour leva as melhores do Mundo até a Maui, no Havai, onde a rainha do evento é a direita mágica do Honolua Bay.

 

Capaz de produzir linhas bem longas e perfeitas, por vezes tubulares, Honolua Bay promete um espetáculo único já a partir de amanhã. Com Tyler Wright já coroada campeã mundial, será a luta pela qualificação a reunir maior interesse. Nesse campo, Laura Enever e Bianca Buitendag são as surfistas que vão lutar pela vida.

 

É verdade. (Infelizmente) Bianca está na calha para deixar o Tour, ela que no ano passado terminou o ano como número 4 mundial. Enever ocupa o 10.º e último posto de qualificação, tem 7 mil pontos de avanço e pode tirar partido do facto de ser regular na direita havaiana. Já a gigante sul-africana ocupa o 12.º posto – entre elas está Nikki van Dijk, que tem o seu lugar assegurado pelo WQS – e necessita de uma vitória para sonhar com a requalificação.

 

Bianca Buitendag tem ainda a dificuldade acrescida de enfrentar a líder e já campeã mundial Tyler Wright na ronda inaugural. A elas junta-se ainda uma wildcard, que virá dos trials. Na disputa pela vaga irão estar quatro havaianas: Mahina Maeda (a havaiana melhor posicionada no ranking do WQS), Brisa Hennessy (Campeã do Pro Junior Havaino), Summer Macedo (a surfista de Maui melhor posicionada no ranking WQS) e Bethany Hamilton, que pode conseguir a presença na terceira etapa do ano.

 

Mas Enever não está muito melhor, uma vez que na ronda inaugural vai competir no heat 5 frente à havaiana e tricampeã mundial Carissa Moore e à norte-americana Lakey Peterson. Destaque ainda para o heat 6, onde a seis vezes campeã mundial Stephanie Gilmore enfrenta as havaianas Malia Manuel e Coco Ho.

 

O Maui Women's Pro tem um período de espera que vai de 23 de novembro a 5 de dezembro. Segundo as previsões a prova até pode arrancar mesmo amanhã, mas nos dias seguintes não deverá haver ação. Mais perto de dezembro deverá entrar outro swell interessante no Havai.

 

Maui Women's Pro Round 1 Match-Ups:
Heat 1: Johanne Defay (FRA), Sally Fitzgibbons (AUS), Keely Andrew (AUS)
Heat 2: Tatiana Weston-Webb (HAW), Sage Erickson (USA), Alessa Quizon (HAW)
Heat 3: Tyler Wright (AUS), Bianca Buitendag (ZAF), TBD
Heat 4: Courtney Conlogue (USA), Nikki Van Dijk (AUS), Chelsea Tuach (BRB)
Heat 5: Carissa Moore (HAW), Laura Enever (AUS), Lakey Peterson (USA)
Heat 6: Stephanie Gilmore (AUS), Malia Manuel (HAW), Coco Ho (HAW)



BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS

FOTOGALERIAS